sábado, 12 de julho de 2014

Bruschetta de burrata


Eu não teria coragem de chamar isso de receita, é mais uma dica de petisco. Burrata é um queijo típico italiano, mais precisamente da região de Puglia . Pela sua consistência cremosa, é quase um cruzamento de mussarela de búfala com manteiga (burro significa manteiga em italiano). É um queijo que deve ser consumido sempre frio (fonte: clique aqui).

Eu vivo falando aqui no blog que devemos prestar muita atenção à qualidade dos ingredientes utilizados. No caso de preparos deste tipo, que levam pouquíssimos ingredientes, esse cuidado deve ser ainda maior. Escolha o melhor tomate que puder comprar, a rúcula mais fresca (se puder, compre produtos orgânicos), pimenta-do-reino moída na hora (sempre), e um excelente azeite extravirgem.

Eu gosto de servir no esquema faça-você-mesmo, mas você pode deixar as bruschettas montadas, se preferir. Comece com tomates picados, sem pele e sem sementes. Temperei com um fio de azeite extravirgem, sal rosa do himalaia, pimenta-do-reino moída na hora, manjericão e alecrim, e arrumo em cima da burrata. Junto folhinhas de rúcula e torradinhas feitas em casa, no forno ou na frigideira antiaderente, com fatias de pão italiano, alho (corto o dente ao meio e esfrego levemente pelas fatias) e azeite. Só. DIVINO!


Nenhum comentário:

Postar um comentário